Meu Diário
22/10/2008 17h26
Cansaço

Ah, esta hora que não passa!


Hoje estou por deveras cansada. Ontem trabalhei até as 20 horas. Levei um tempão pra chegar em casa. E ainda por cima, a bela Michelli queria  passear, queria colo, queria chamego. Até ir dormir foi um tempão.


 


Levantei cedo e fui pra Osasco. A Mudança foi feita. Tudo no lugar. Voltei p’ro escritório. Almocei. Tempo quente. Fico bocejando a cada dois minutos. Já estou com dor no maxilar. E o tempo não passa!


 


Quero ir p’ra casa. Tomar um longo banho. E depois, dormir. Dormir o sono dos justos. Daqueles que trabalham arduamente para ganhar a vida. Nada de mordomias. Nada de alguém fazer as coisas por você. Não sirvo pra ter serventes. Prefiro servir a mim mesma.


 


Em minha frente, janela panorâmica. Vejo os prédios, as nuvens, o tempo lá fora. Mas não vejo a vida passar – vou com ela. Agarrei-a pela cauda e sigo avante. Adiante sempre. Assim que deve ser.


Publicado por Fátima Batista em 22/10/2008 às 17h26
Copyright © 2008. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.